Porquê ficar em casa ?

Um ponto que e está sendo bastante polêmico nesses dias da pandemia de COVID-19 é o real motivo do isolamento social e os seus efeitos no combate da epidemia. Por tanto o objetivo dessa análise é avaliar alguns pontos com dados disponíveis em diversos conjuntos de dados oficiais do Brasil e do mundo. O SARS-COV-2 é o vírus responsável pela pandemia de COVID-19. Uma das novas características desse vírus é sua fácil transmissão. Artigos científicos já mostram que uma única pessoa infectada consegue infectar entre 2 e 4 novas pessoas [1].

Figura que demonstra a propagação do SARS-COV-2 e do COVID-19. Fonte: [1]

Desta forma temos uma curva de casos com um modelo exponencial, que precisa ser achatada. Mas afinal o que é achatar essa curva? A curva de casos é um gráfico bidimencional entre o tempo e a quantidade de casos da COVID-19. Se a curva não for achatada, o sistema saúde não terá capacidade de atender todos os pacientes e teremos o que podemos chamar de colapso do sistema de saúde.

Para ocorrer o tão necessário achatamento de uma curva exponencial é preciso reduzir a velocidade de transmissão do COVID-19. Quanto menor a exposição da população a ambientes infectados e pessoas que sejam possíveis transmissores, menor a chance de infecção e menor a quantidade de novas infecções [2]. Ao longo do mundo diversas medidas foram adotadas para o combate da pandemia, dentre elas:

Tabela com sugestões práticas de medidas para o controle da COVID-19. Fonte: [3].

caso não tomemos medidas para o achatamento da curva, o que pode acontecer ?

Realizamos uma análise do pior cenário, o que pode acontecer caso não se tome nenhum tipo de medida para freiar a escalada da curva? Teremos o colapso do sistema de saúde e consequentemente muitos pacientes sem atendimento por falta de recursos, aumentando então a nossa curva de mortes por corona vírus nacional que já chega ao número de 61 mortes no Brasil em 26 de Março de 2020 às 12:18 segundo a Johns Hopkins (https://coronavirus.jhu.edu/map.html). Qual a nossa atual capacidade de leitos no Brasil ?

Atualmente possuímos a seguinte quantidade de leitos de UTI disponíveis por estado, segundo conjunto de dados oficiais divulgados pelo Intercept (https://theintercept.com/document/2020/03/24/abin-2303/).

Estado Número de leitos de internaçãoNúmeros de leitos de UTI 
AP 1.098170
RR 1.133100
AC 1.484194
TO 3.072365
SE 3.212503
RO 4.286446
MS 5.596668
AM 5.700919
AL 5.891723
DF 6.7051.668
MT 7.1561.148
RN 7.272774
PI 7.460590
ES 7.9291.391
PB 8.171948
PA 13.5841.574
MA 13.7781.240
SC 15.3221.582
GO 17.4451.866
CE 18.5101.944
PE 20.9612.472
PR 27.5023.603
BA 28.9603.045
RS 30.1233.252
RJ 32.7367.424
MG 40.6995.333
SP 90.60315.753
Distribuição de leitos para internamento e de leitos de UTI no território nacional. Fonte: Intercept (https://theintercept.com/document/2020/03/24/abin-2303/)

Seguindo a velocidade atual de expansão da COVID-19 no Brasil, que é o dobro de casos a cada 3 dias, teremos o seguinte cenário ao longo do tempo nos estados brasileiros.

Seguindo a predição acima, caso não seja tomado medidas drásticas para o freio da velocidade de escalada da curva nessa fase da epidemia, teremos o colapso dos sistemas de saúde brasileiro na semana próxima do dia 14 de Abril de 2020. Vale ressaltar que alguns estados como o Pará, Amapá, e a Paraíba não terão o colapso do sistema de saúde nesse cenário. Logo, precisamos nos previnir e tomar realmente medidas efetivas contra o COVID-19 como as estratégias adotadas por todo mundo.

REFERÊNCIAS

[1] Palacios Cruz M, Santos E, Velázquez Cervantes MA, León Juárez M. COVID-19, una emergencia de salud pública mundial. Rev Clínica Española [Internet]. 2020 Mar 20 [cited 2020 Mar 26]; Available from: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0014256520300928?via%3Dihub

[2] Control EC for DP and. Considerations relating to social distancing measures in response to COVID-19 – second update [Internet]. 2020 [cited 2020 Mar 26]. Available from: https://www.ecdc.europa.eu/sites/default/files/documents/covid-19-social-distancing-measuresg-guide-second-update.pdf

[3] Huh K, Shin HS, Peck KR.   Emergent Strategies for the Next Phase of COVID-19.   Infect Chemother. 2020 Jan;52:e6. https://www.icjournal.org/DOIx.php?id=10.3947/ic.2020.52.e6

Publicado por

Felipe Torres

Amo programação em Python e PHP, análises de dados, plotar gráficos em R e fazer páginas web, séries, livros, games, filmes e músicas. Traduzindo, aquele NERD nato rsrsrs. Sou motivado por desafios, nas horas vagas nunca nega uma roda de capoeira ao toque do berimbau ou uma partida de lolzinho.

2 comentários em “Porquê ficar em casa ?

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.